Pitadas de amor, política, sexo, inutilidades, poesia e filosofia.

quinta-feira, 3 de março de 2011

Em mim

Eu penso tanto as vezes, mas na maioria delas faço tudo impulsivamente, tenho turbilhões de idéias na cabeça. Furações de sentimentos no peito. Por vezes não sei como me comportar nem como agir, por vezes sei exatamente o que quero e me deixo levar por devaneios tolos. Hoje eu nem sei mais quem sou.

Seguidores

Tiago Sousa Fotografia

Arquivo

Like us

Purifikarte